coluna-das-gemeas category image
Coluna das Gêmeas #148 – Regressos
Sunday 08/12/2013 às 15:00 3042 Views Arquivado em: Coluna das Gêmeas

Oi pessoal! Como estão todos? Ficamos um tempo sem aparecer porque sério: que final de semestre mais corrido e cheio de coisa! Eu, por exemplo, fiquei três semanas fazendo prova e mais uma semana arrumando um relatório de uma empresa de treinamento, de uma das aulas que tenho em Administração. É cansativo, não é fácil, você se estressa mil vezes… Mas, no final, fica aquele sentimento bom de trabalho feito! E como comemorar? FÉRIAS, MINHA GENTE! Nada como voltar à rotina acordar + comer + ler + comer + ler + dormir! E agora está ainda mais legal porque ganhamos de Natal, adiantado dos meus pais, um Kindle! :26 É TÃO LINDO! Já estou no segundo livro nele, e ontem a Tatiana terminou o primeiro! Para completar, começamos a frequentar a academia, que antes parecia ser um tédio, mas é divertido! Você fica com a sensação de que um caminhão passou por cima de você nos primeiros dias, mas ao mesmo tempo sabe que está fazendo algo pelo corpo!
Voltar a essa rotina de férias foi o que nos inspirou a fazer a coluna de hoje. Muita gente regressa para algo – seja para uma casa que morou na infância, a cidade natal (nós já fizemos isso, e foi uma experiência esclarecedora, porque percebemos o quanto não temos nada a ver com a cidade), a um amor… E, de certa forma, é o que estamos fazendo agora com o blog, porque com toda a correria com a faculdade nos impediu de dedicarmos mais tempo à coluna.
Espero que gostem e até semana que vem! :31

O Solteirão – Carly Phillips

O_SOLTEIRAO_1267278414P Este é o primeiro livro da trilogia dos Irmãos Chandler e o único que eu li, até agora – sim, por mais que eu seja doida pra terminar de ler essa série, eu simplesmente não tenho tempo pra terminar tudo -, mas espero mudar isso ainda nessas férias! A série tem uma pitada de Nora Roberts em seus romances, mas acredito que esses livros se encaixem melhor na categoria de chick-lit mesmo – o que é ótimo, já que eu gosto de ambos gêneros! Enfim, somos apresentados à Raina Chandler, uma mãe de família que é completamente louca pelos seus três filhos e que espera, com ainda mais paixão, que eles se casem e criem suas famílias. Eu acho esse negócio de querer que os filhos se casem um pouco estranho, principalmente porque tanto eu quanto a Fernanda vivemos um pouco disso em casa – mas não tanto, já que ainda somos novas e tal. De qualquer forma, acredito que os pais ficam loucos para os seus filhos se casarem não só pra aumentar a família e etc, mas porque eles realmente acreditam que a família é algo maravilhoso e que eles têm que conhecer. E no caso desses três homens, a pressão é tanta que a vida de um está prestes a mudar, tudo porque depois de um “ataque cardíaco” de Raina, eles decidem que um deles terá que se casar para não deixar que a mãe morra sem ver pelo menos um deles realizando seu sonho. Na hora do sorteio (!!!! SIM, ELES FAZEM UM SORTEIO!!!), Romam é o felizardo, o que, para ele, não é nada legal: ele terá que largar sua vida de jornalista correspondente para se reestabelecer na sua cidade natal e casar com alguma mulher que seja capaz de dar os netos que Raina tanto quer.
O problema é que, nessa busca por uma esposa em potencial, ele acaba reencontrando Charlotte Bronson, a única mulher que realmente amou, mas que o deixou sozinho. Então Roman decide, além de procurar uma esposa, resolver a história mal terminada de tantos anos, ao mesmo tempo. Será que ele vai acabar transformando os dois objetivos num só? Será que ele vai acabar mudando de opinião quanto ao que realmente quer da vida? Só posso dizer que, apesar de ser um pouco previsível, eu gostei MUITO do clima que a Carly Philliips criou para a família e a cidade em si! Recomendo!

O Retorno de Rafe Mackade – Nora Roberts

O_RETORNO_DE_RAFE_MACKADE_1351186149P
Esse livro, pra mim, é um clássico. Acho que foi a primeira série que eu li da Nora Roberts (apesar de que o primeiro livro dela que eu li foi Paixão Obscura e ele é o último da Série Noturna, mas até então os outros livros da série não tinham sido lançados por aqui – aliás, CADÊ o primeiro livro, que fora publicado tem muuuitos anos e nunca teve nenhuma reedição??) e, sério mesmo, é uma das minhas preferidas. A história é bem curta (como se pode ver pela edição de banca), mas a série toda é muito boa de ler. Aliás, pra quem gosta da história americana, esse livro proporciona uma visão muito bacana de como foi a Guerra de Secessão (uma das que eu mais gosto de estudar), na minha opinião. Mas vamos falar da história em si, e não da Guerra: Rafe Mackade e seus irmãos eram muito populares na cidade de Antietam quando mais novos, mas Rafe acaba partindo para buscar seus sonhos, deixando a mulherada com apenas três opções lindas – aliás, já falei que os quatro são todos pedaços de mau caminho?? Pois é, é claro que tinham que ser.
Mas enfim, 10 anos se passam e Rafe decide voltar pra cidade, disposto a reformar a tão querida Mansão Barlow, que era considerada mal-assombrada pelos fantasmas da Guerra de Secessão, e para deixá-la conforme fora em seu auge, ele conta com a ajuda de Regan Bishop, uma mulher muito interessante que é dona de um ótimo antiquário na cidade. Acho que, por se tratar de Nora Roberts, todos aqui já devem saber que um romance vai acontecer entre esses dois (juro que isso não é spoiler!), mas ainda que ele caia na mesma receita da autora, não tem como não gostar dele! Ele é bem rebelde, assim como a Regan, e as faíscas que os dois emanam vão para todos os lados! Outra coisa muito interessante nessa série é o relacionamento entre os irmãos, que apesar de terem suas diferenças, são muito unidos e estão sempre se apoiando uns nos outros. Eu gosto muito dessas relações familiares e do clima de cidade pequena que só a Nora consegue nos envolver, principalmente porque ela é uma das únicas que me deixam realmente curiosa por viver em uma cidade pequena! Hahahahaha Portanto, é um livro que eu indico bastante! Ah! E a série foi toda relançada esse ano, com capas bem diferentes desta edição! Nem preciso dizer que preciso de todas elas, não é?

De Volta Para Casa – Karen White

DE_VOLTA_PARA_CASA_1368458975P Sei que falamos desse livro tem pouco tempo, mas posso surtar com ele mais um pouquinho? Eu quero muito saber qual será o desenrolar dessa história, que além de ter me chamado muito a atenção pelo plot que lembra os dramas de novelas mexicanas, tem a capa linda – e sim, eu sou facilmente vendida por capas bonitas! Hahahahaha Além disso, o subtítulo dele é bem apelativo – “Até onde é possível apagar as lembranças?” me faz pensar não só em um grande drama, mas também no desenvolvimento do processo de perdão, que muitas vezes leva anos pra se concluir! Claro que existem coisas que são muito difíceis de serem perdoadas, mas convenhamos: carregar o peso de uma desilusão é quase tão ruim quanto carregar, nas suas mãos, o poder de resolução de um problema – afinal de contas, são as duas partes que acabam saindo feridas de uma briga. No caso de Cassie, a grande desilusão pela qual teve que passar foi a traição de seu amor, Joe, com a sua irmã, Harriet, que foi capaz de lhe dar forças para sair de sua cidade na Geórgia e ir para Nova York começar uma nova vida, longe de todos aqueles que tanto lhe magoaram. Entretanto, um telefonema de sua irmã acaba colocando todas as suas mágoas por terra – seu pai está muito doente e precisa dela ao seu lado. E por mais que ela lute contra, não consegue não se sentir em casa quando volta.
Eu quero MUITO saber como será a reação dela quando reencontrar a família que Harriet e o Joe formaram e quando se deparar com aquela mesma família que lhe traiu! Quer dizer, quem não ficaria curioso, não é mesmo? Sem contar que são nessas ocasiões que as pessoas acabam aprendendo as lições mais valiosas, então quero não só que ela perdoe o que aconteceu no passado, mas que aprenda a amar e a confiar nos outros novamente!

Persuasão – Jane Austen

PERSUASAO_1335748952P Persuasão está ao lado de Orgulho e Preconceito na posição de livro favorito de todos os tempos, apesar de me sentir traindo o Darcy – mas como poderia ser diferente? Vocês já leram? Conhecem o Capitão Wentworth? POIS É.
Anne Elliot, quando tinha 19 anos, se apaixonou pelo ambicioso jovem capitão da marinha, Frederick Wentworth, mas como sua família não concorda com a relação (muito menos sua grande amiga), ela rompe a relação e ele vai para o mar. Oito anos depois ele está de volta, com influência, status e muito bem de vida, cortejando Louisa Musgrove, a filha da vizinha de sua irmã mais nova. Apesar de todos esses anos ela ainda não esqueceu seu grande amor, mas precisa conviver com esse homem que demonstra sentir por ela um pouco de raiva e desprezo, e que com certeza continuou sua vida sem se lembrar dela.
Preciso comentar algumas coisas sobre esse livro. Primeiro: eu DETESTO a família da Anne. Segundo: Wentworth é lindo demais, não só na aparência, mas no seu jeito de ser. Terceiro: eu fico abismada como ela conseguiu ser persuadida a se separar do grande amor porque todos os outros eram contra – apesar de entender que, na época, não dava para simplesmente dar as costas à opinião da família – porque não estamos falando de qualquer homem, é simplesmente FREDERICK. LINDO. WENTWORTH.
A adaptação feita pela BBC é muito boa e fiel ao livro, se vocês quiserem conferir! Acho que a atriz que faz a Anne é perfeita para o papel!

A Vingança Veste Prada: O Demônio Está de Volta – Laura Weisberger

A_VINGANCA_VESTE_PRADA_1374734863P Como não conhecer pelo menos um pouco da história de O Diabo Veste Prada, imortalizada pela excelente Meryl Streep? Sério, não tem com a Miranda Priestly ter outra cara a não ser a dela! E depois do sucesso que foi o livro e o filme (apesar de mudarem algumas coisas – como o final, que eu prefiro o do livro), foi lançado esse ano a sequência do livro! E SIM, MEUS SENHORES, MIRANDA IS BACK.
Já se passaram quase dez anos do fatídico momento em que Andrea Sachs decide abandonar a revista Runway, e agora ela é uma editora bem-sucedida de uma revista de luxo sobre casamentos, chamada Plunge. Quem trabalha com ela é sua antiga colega de trabalho Emily, que por um acaso agora é sua melhor amiga e, além de todo o sucesso, ainda está prestes a se casar com um dos solteiros mais cobiçados de Nova York.
Porém, uma semana antes do casamento, aquela-que-não-deve-ser-nomeada volta a assombrá-la, porque agora ela é diretora do grupo editorial Elias-Clark, que vê na revista um excelente investimento. Assim, Miranda quer marcar uma entrevista com a diretora da Plunge, para comprar a empresa – mas, se Andy vai aceitar ou não, e se ela vai se mostrar disposta a reencontrar Miranda, só lendo para saber!
Eu preciso saber como essa história vai terminar, sem dúvida! Se eu estivesse no lugar da Andy… Bom, não seria muito bom voltar a ver a Miranda (ainda mais depois do jeito como as coisas terminaram), mas ainda assim é válido ouvir a proposta do outro, certo? Nem sei como iria agir se fosse a Andy – até porque, se eu fosse ela, nem sei se teria aguentado passar por tudo aquilo que ela passou, porque provavelmente teria pedido demissão muuuuito antes de todo aquele rolo em Paris.




Sobre o autor do post:

Ei, você! Sou Tatiana, mineira de coração e com 23 anos nas costas. Sou uma geminiana que está bem próxima daquela descrita pelo signo - ou seja, não consigo ficar presa a uma coisa só por muito tempo e estou sempre pensando em tudo. Sou fangirl em tempo integral e me envolvo com muita facilidade nas histórias das minhas novelas mexicanas. Estudo RI (ESTÁ ACABANDO! O QUE SERÁ DA MINHA VIDA?), mas quero fazer milhares de coisas na minha vida, desde ser designer de interiores até pesquisadora sobre cultura. Ouço muita música velha, leio muitos livros (quando posso) e amo quase tudo que envolva algodão doce. Também não ligo se você preferir me chamar de Fernanda - acontece muito, veja bem.
E-mail: tatitaleite@gmail.com



Posts Relacionados







:38 :37 :36 :35 :34 :33 :32 :31 :30 :29 :28 :27 :26 :25 :24 :23 :22 :21 :20 :19 :18 :17 :16 :15 :14 :13 :12 :11 :10 :09 :08 :07 :06 :05 :04 :03 :02 :01


4 Comentários em “Coluna das Gêmeas #148 – Regressos”


#1 Débora Martins 11-12-2013 - 16:21 -
Google Chrome 31.0.1650.63 Windows 7

Saudade O Diabo Veste Prada :(
Adorei o blog,serissimo! Beijooo!

Débora Martins
http://leitora-vorazz.blogspot.com.br/

[Responder]

Comentou pela primeira vez, seja bem-vindo!

#2 Hangover at 16 16-12-2013 - 21:36 -
Google Chrome 31.0.1650.63 Windows 7

Adorei as resenhas, o que mais fiquei com vontade de ler é “De volta para casa” :D

xx Carol
http://hangoverat16.blogspot.com.br/

[Responder]

Você já comentou 10 vezes.

#3 Flávia (Caverna Literária) 25-01-2014 - 12:39 -
Google Chrome 31.0.1650.63 Windows 7

Nossa, “O Retorno de Rafe Mackade” foi literalmente o primeiro livro que eu li da Nora e que levou a um vício de anos ahahaha Que estranho vê-lo de novo, depois de tantos anos :’) (ok, não foram tantos anos assim tbh)
xx
Flávia – http://caverna-literaria.blogspot.com.br/

[Responder]

Comentou pela primeira vez, seja bem-vindo!

#4 Maisa Gois 17-02-2014 - 15:47 -
Google Chrome 32.0.1700.107 Windows 7

Quero muito ler A Vingança veste Prada e De Volta pra Casa! *-*
Faz algum tempo que não apareço por aqui e achei lindo o novo lay do blog

[Responder]

Já comentou 89 vezes e é um verdadeiro Bookaholic!