coluna-das-gemeas category image
Coluna das Gêmeas #49 – Diários
Sunday 13/11/2011 às 07:05 895 Views Arquivado em: Coluna das Gêmeas

Bom dia bookaholics! Como estão todos? Dá pra acreditar que já estamos praticamente na metade do mês? Dezembro está aí, junto com as tão sonhadas férias e o Natal! Essa época é sempre memorável: sempre fazemos coisas malucas com os amigos, saímos, vivemos aventuras… E nada melhor do que deixar tudo guardado em um diário! :28
De acordo com o Wikipédia: “O diário é um dos gêneros mais cultivados, pois é confidente tanto do homem público como do homem privado. O estatuto do diário é o da confidência e a relação estabelecida entre o eu e o diário define-se pela contradição entre a vontade de falar e a de guardar segredo. No diário o destinador e o destinatário são a mesma pessoa.”.
Vocês já tiveram algum? Eu tinha quando era menor, e hoje mantenho uma agenda com todos os acontecimentos importantes. É quase como um diário, só que não escrevo meus pensamentos, dúvidas, angústias… É gostoso, depois de alguns anos, pegar uma dessas agendas (que eu mantenho desde 2008, acho) e ver como era minha rotina. Você acaba lembrando de como era, e vê o tanto que cresceu (ou não, nunca se sabe… :04 ).
Mas não é só na vida real que gostamos de fazer diários: na ficção também! E aqui estão alguns exemplos (um deles é verídico) de como os personagens se relacionam com o diário – uma maneira de escapar da realidade, talvez, ou só a vontade de ter alguém para entender todos os seus problemas.
Que a semana de vocês seja cheia de acontecimentos emocionantes dignas de páginas e mais páginas de diários! :12 Até semana que vem!

Os Diários de Carrie – Candace Bushnell

Eu gosto muito de músicas dos anos 80. A Fernanda é até simpatizante, mas não tem o mesmo entusiasmo que eu quando minhas baladas românticas estão tocando. Uma das coisas mais legais que eu acho nessas músicas é a ausência de efeitos nas vozes e na própria melodia, algo rotineiro nas músicas de hoje #momentoidosa. É triste saber que muita gente incorpora aquela frase “quem vive de passado é museu” e não se interessa por essas relíquias… Mas a leitura desse livro pode mudar um pouco esse interesse, pois conhecemos a vida da famosa Carrie Bradshaw em sua adolescência! Ela viveu a adolescência nesses anos em que não havia a Internet, celular, tablets, câmeras digitais e seja lá o que estiver fazendo a cabeça dos atuais adolescentes. Tudo era muito mais “simples” – as pessoas saiam para se encontrar e conversar, usavam o telefone por horas e horas, escreviam bilhetes e… Era muito mais pessoal. O mais legal da série é que, ainda que se passe nos anos 80, ainda tem todos os clichês que adoramos: o drama familiar e o clima de high school com os populares e os esquisitos (onde se encaixavam a Carrie e seus amigos Walt, Lali, Maggie), o romance e as intrigas.
Acompanhamos uma Carrie que já sonha em ser uma famosa escritora em Nova York ( :23 ) e que, apesar de ainda aprender a lidar com seus medos e inseguranças para a alcançar seus sonhos, já mostra que tem seu próprio estilo e que é madura e inteligente. Algumas escolhas dela me deixaram com os cabelos em pé e uma vontade enorme de entrar no livro e dar uma boa chacoalhada nela, mas tenho que dizer que amei o livro e o final me deixou completamente ansiosa e desesperada pela continuação! É um livro super bem escrito e, ao contrário do que aconteceu com o livro original da série homônima, Sex and the City, este parece ter sido muito mais apreciado pelas críticas! Sua continuação foi publicada em 26 de abril deste ano nos Estados Unidos e ainda não tem previsão de publicação aqui – e eu espero vir com essa capa! E também li no site da Babi Dewet que essa série vai virar um seriado! :29

O Diário da Princesa – Meg Cabot

Todo mundo já ouviu falar desse livro. É sério, é um dos diários mais populares da atualidade. Quem não gostaria de descobrir, de uma hora para outra, que é herdeira do trono de um país, e precisa se esforçar para se tornar a melhor princesa? Eu gostaria, honestamente. :12 Imagina poder fazer a diferença na vida das pessoas, cuidar para que ninguém passe fome, frio, e ao mesmo tempo alavancar a economia? Que demais! Mas, para Mia Thermopolis, as coisas não são tão bonitas assim. Ela é uma nova-iorquina comum, talvez até comum demais, até que de uma hora para outra, descobre ser herdeira de um reino europeu, e precisa ir morar com seu pai e sua avó para aprender a agir como uma nobre. Para piorar, sua avó acha que ela precisa aprender muito ainda para chegar a um bom nível.
Não vou discordar: não deve ser um trabalho fácil. Mudar totalmente a vida, a rotina, para se dedicar ao estudo para ser nobre não é comum. Sem contar que, se uma pessoa já tem planos traçados para o futuro, não deve gostar nem um pouco de vê-los todos por água abaixo para ser uma coisa que nunca nem pediu.
Quem ainda não leu (como eu e a Tatiana :13 ), já deve pelo menos ter visto os filmes, certo? Dizem que estragaram os livros, mas como eu não sei, eu digo: eu gostei. É simples, despretensioso, magia Disney. :23 Gostoso para passar o tempo. Só não sei se vou achar a mesma coisa depois de ler…

O Diário de Anne Frank – Anne Frank

Esse é, com certeza, o diário mais famoso de todos os tempos. O recado de quem leu para quem não leu é o seguinte: “Está esperando o quê? Vai logo ler!”. Eu, pelo menos, vou correr para ler!
Anne Frank é uma garota que não vive o melhor momento de sua vida: ela está em plena 2ª Guerra Mundial, vendo atrocidades por todos os lados contra os judeus, e por ser judia, ela e sua família precisam viver escondidos, sem seus amigos, seu gato, sua vida normal. Tudo isso acontecendo enquanto ela tem apenas 13 anos de idade. Ou seja: ainda tem toda a mudança de menina para adolescente, os problemas usuais dessa idade, o começo de uma paixão… :28
História real, minha gente. Uma menina realmente viveu isso, só tinha o seu diário para fugir de toda a atmosfera violenta que vivia. E acho que todos sabem, mas o final não é feliz. :36
Sempre quando estudei a 2ª Guerra Mundial, os professores comentavam do livro. Diziam que era um relato verídico dessa época bárbara, que quem lesse teria sua vida mudada. E muitas vidas realmente mudaram. Já perceberam como às vezes damos valor a coisas insignificantes, enquanto outras pessoas viveram horrores e só conseguiam pensar em sobreviver? Pois é, essas pessoas que mudaram viram a inversão de valores. É uma história e tanto! :30

Os Diários de Nick Twisp – C.D Payne

Muitos quase todos, na verdade homens dizem que a cabeça da mulher é um quebra-cabeça, que ninguém (a não ser nós) sabe o que se passa lá dentro, e mais uma lista de reclamações. Mas vamos combinar que tem coisas que não conseguimos entender na cabeça dos homens, como a excessiva praticidade pra resolver os problemas, a incapacidade de fazer mais de várias coisas ao mesmo tempo, e muito mais. Com a leitura desse livro, muita leitora vai ficar surpresa: trata-se de um lad lit, a literatura escrita pelos homens (você pode aprender mais um pouco no Lost in Chick-Lit!). Aliás, muitas blogueiras do mundo todo acharam o texto um tanto… Diferente. :12
Nick Twisp é um adolescente de 14 que, apesar de ler muito e ser inteligente, não tem o corpo dos sonhos, sofre com as espinhas e ainda é virgem. Aliás, esse é o seu maior problema. Ele quer perder o grande V e essa é uma de suas grandes obsessões – uma delas, já que ele conhece Sheeni, uma garota inteligente, linda, irônica e que provavelmente é a mulher de sua vida. E para ficar com ela, ele fará de tudo, desde enfrentar um caminhoneiro até desenvolver três alter egos! :31
O livro é divido em três partes – Jovem Revoltado, Jovem Escravizado e Jovem Exilado – e faz parte de uma série que consta com mais três livros: Revolting Youth: The Further Journals of Nick Twisp; Young and Revolting: The Continental Journals of Nick Twisp; Revoltingly Young: The Journals of Nick Twisp’s Younger Brother. E o mais interessante: em 1993, o primeiro livro teve uma adaptação para o teatro e, em 1998, a MTV e a Fox americanas desenvolveram um episódio piloto para uma série, mas o projeto não foi levado adiante.
Quem ficou com vontade de ler? o/

O Diário de Bridget Jones – Helen Fielding

Todo mundo metas a cumprir – na minha lista, incluem aprender a nadar e dar estrelinha, ter meu próprio negócio… Bridget Jones quer emagrecer, encontrar um namorado e largar a bebida e o cigarro. Ela não tem o emprego mais promissor do mundo, tem uma quedinha pelo seu chefe e ainda sofre com a “pressão da sociedade” e de sua mãe família para se casar, já que, aos olhos de toda essa gente, a mulher com 30 anos já deveria estar casada, num emprego maravilhoso e criando seus filhos num lar cheio de amor e felicidade. Alguma semelhança com a vida de alguém que você conheça? :09
É complicado ser mulher hoje em dia, ainda mais quando você começa a prestar atenção nas pessoas dessa sua faixa etária: tem sempre alguém que está sendo promovido, alguém que tem o corpo escultural, alguém em um relacionamento maravilhoso… Por mais que você se proponha a viver sua própria vida e deixar com que as oportunidades apareçam na hora certa, é impossível não se ver pensando nas conseqüências das suas escolhas. É sobre isso que o livro trata: é a luta da Bridget para se encaixar num corpo que ela considera ser o perfeito e que fará dela (supostamente) ser uma boa candidata a ter um bom relacionamento, é a busca pelo bom partido, é a crua caça pela felicidade! Afinal de contas, o que é felicidade pra cada você? :26 Bridget Jones está tentando descobrir o que essas 10 letras significam para ela e, ainda que suas escolhas pareçam erradas, são elas que a levarão para o caminho certo!




Sobre o autor do post:

Ei, você! Sou Tatiana, mineira de coração e com 23 anos nas costas. Sou uma geminiana que está bem próxima daquela descrita pelo signo - ou seja, não consigo ficar presa a uma coisa só por muito tempo e estou sempre pensando em tudo. Sou fangirl em tempo integral e me envolvo com muita facilidade nas histórias das minhas novelas mexicanas. Estudo RI (ESTÁ ACABANDO! O QUE SERÁ DA MINHA VIDA?), mas quero fazer milhares de coisas na minha vida, desde ser designer de interiores até pesquisadora sobre cultura. Ouço muita música velha, leio muitos livros (quando posso) e amo quase tudo que envolva algodão doce. Também não ligo se você preferir me chamar de Fernanda - acontece muito, veja bem.
E-mail: tatitaleite@gmail.com



Posts Relacionados







:38 :37 :36 :35 :34 :33 :32 :31 :30 :29 :28 :27 :26 :25 :24 :23 :22 :21 :20 :19 :18 :17 :16 :15 :14 :13 :12 :11 :10 :09 :08 :07 :06 :05 :04 :03 :02 :01


22 Comentários em “Coluna das Gêmeas #49 – Diários”


#1 Amanda Faustino 13-11-2011 - 10:10 -
Google Chrome 15.0.874.106 Windows Vista

Eu gosto de livros diários. Sempre foi meus preferidos, mas agora mudou. Mas ainda gosto.

Beijos, Book and Cupcake

[Responder]

Tatiana responde:

Google Chrome 16.0.912.63 Windows 7

Livros diários são lindos! Parece sempre que somos os melhores amigos dos protagonistas e que eles são reais! Parece até coisa de bisbilhoteiro (não é! hahahaha :31 ), mas é muito gostoso saber dos detalhes deles, né?

Beeijo! ;3

[Responder]

Já comentou 120 vezes e é um verdadeiro Bookaholic!

#2 Leitoras Anônimas 13-11-2011 - 11:12 -
Google Chrome 15.0.874.120 Windows 7

Bom dia!

Nossa, esse ano passou MUITO rápido mesmo. Às vezes eu me pego conversando com a minha mãe sobre algum evento que ocorreu no finalzinho de 2010, e quando percebo, estou me referindo a um ano atrás como “aquele dia” :37
Quando eu era mais nova, adorava ler um diário… daqueles bem infantis, sabe? Era meu passatempo preferido!
Mas aí, na sexta série, a minha professora de português (que era uma bruxa, aliás :06 ) pediu para a turma toda ler dois livros escritos em forma de diário. Até aí, nenhum problema, certo? Errado! Os livros que a professora havia indicado para a nossa turma eram MUITO infantis (a julgar pela nossa idade). Ninguém gostou deles, e acho que foi depois dessa decepção que eu tomei trauma desse gênero literário.
Até algum tempo atrás, eu passava bem longe de todos os livros que tinham escrito “diário” no título. Mas agora acho que já superei isso. Esse ano já li “O Diário de Anne Frank” (que, a propósito, é bem diferente do que eu imaginei) e estou lendo atualmente o livro “Cotoco”, que é também em forma de diário! Estou adorando ele, é SUPER engraçado :23
Já ouvi falar muito dos diários de Carrie, mas confesso que nunca havia parado para ler a sinopse dessa série, rsrs Eu nem sabia que a história se passava nos anos 80! :22 ~
Essa série da Meg eu MORRO de vontade de ler, mas vou ser sincera… só de pensar que são 11 volumes no total já até desanima! E ainda tem alguns extras (se não me engano são uns 3 livros a mais). Não tenho certeza se terei tempo de ler todos os livros algum dia.
Ahh, quase surtei quando vi “Os Diários de Nick Twisp” no post! Eu morro de vontade de ler esse livro, mas você já viu o tamanho dele? :34 E o preço então? rsrs
Mas ainda sim acho que vou comprá-lo em breve… parece ser muito engraçado, e humor é uma das coisas que mais me atraem em um livro!

Abraços,
http://leitorasanonimas.com

[Responder]

Já comentou 97 vezes e é um verdadeiro Bookaholic!

#3 Yara Prado 13-11-2011 - 17:36 -
Google Chrome 15.0.874.120 Windows 7

Ah, eu nunca tive um diário…rsrsrs
Mas, ja li dois livros da lista e adorei, então vou procurar os outros porque o tema é muito bom…

Bjs.

[Responder]

Tatiana responde:

Google Chrome 16.0.912.63 Windows 7

Sério que você nunca teve um diário? COMO É POSSÍVEL!? Eu tive muitos e a maioria joguei fora, porque a letra era terrível #vergonhaterrível e eu percebi que era muito boba! hahaha Desde 2003 eu mantenho uma agenda anual onde eu coloco as coisas que fiz durante o dia e quando o ano termina, coloco lembretes de datas especiais na nova agenda. É bom porque sempre dá pra relembrar aquelas coisas que eu não quero que o tempo apague, mas tem dias que aconteceram muitas coisas boas e fica complicado anotar o que eu fiz no ano atual!
E uma coisa que eu também sempre faço é colocar imagens (de revista mesmo) de coisas que me fazem lembrar essas datas especiais. Dá trabalho, mas no final do ano, a minha agenda sempre fica cheiona e linda (uma vez mandei umas fotos pra Tathy, do Eu Sou Assim, e ela postou aqui). Pode não ser bem um diário, porque eu não saio escrevendo o que estou pensando, meus medos e etc, mas é como se fosse um diário mais superficial, né? :05

Beeijo! ;3

[Responder]

Yara Prado responde:

Google Chrome 16.0.912.75 Windows 7

Nunca tive Tati…Sério.
Ah, que legal a sua agenda…rsrsrs Eu não tenho muita paciencia com essas coisas, sabe? Ficar anotando tudo…
Todo ano eu compro uma agenda só para anotar as coisas que eu preciso fazer, as provas, etc… Mas quando chega em junho, eu já perdi a agenda eu ela esta completamente desatualizada…rsrsrs
Nossa, que agenda linda!!! Fiquei até com um pouquinho de inveja da sua organização…rsrsrs Eu não faço uma coisa dessas… Dá um trabalhão, né?
Sou totalmente desleixada…rsrsrs
Bjs.

[Responder]

Tatiana Leite responde:

Google Chrome 16.0.912.63 Windows 7

Dá trabalho mesmo, mas é uma coisa que eu gosto de fazer, sabe? Enquanto eu arrumo a minha agenda, sempre fico pensando longe, ouvindo música… Claro que dá uma dor básica nas costas (hahahahaha), porque eu quase nunca faço tudo isso sentada adequadamente, mas é o tipo de coisa quase terápica!

Beeijo! ;3

[Responder]

Já comentou 802 vezes e é um verdadeiro Bookaholic!

#4 Raquel Pereira 13-11-2011 - 17:39 -
Google Chrome 15.0.874.120 Windows XP

Oi meninas,

Amei o post.
Qd eu era adolescente, tbm andava escrevendo as coisas que aconteciam cmg e que eu achava importantes… rsrs
Da relação de livros citados, eu só li O diário da princesa, e vi o filme tbm é claro… rsrs
Tenho aqui na estante Os diários de Carrie e tbm O diário de Bridget Jones, mas ainda não li.
Já vi vários filmes que falam sobre O diário de Anne Frank e do que ela passou, mas tbm não li.

Bom, é isso…. Bjok

[Responder]

Tatiana responde:

Google Chrome 16.0.912.63 Windows 7

Os Diários de Carrie é muito bom! Quer dizer, teve muita gente que não gostou ou então achou que “não fedia e nem cheirava”, mas eu gostei bastante dele! :28 Sei lá, ele é simples, mas amei ser ambientado nos anos 80!
E diários são sempre o máximo, né? Eu tinha muitos quando era pequena, mas um dia fui ler o que estava lá e, meu Deus, fiquei até com raiva de mim, de tão boba que era! HAHAHAHAHAHA Aí joguei tudo fora! :12

Beeijo! ;3

[Responder]

Já comentou 51 vezes e é um verdadeiro Bookaholic!

#5 Cíntia Mara 13-11-2011 - 22:21 -
Google Chrome 15.0.874.120 Windows 7

Eu tive várias agendas, mas nunca consegui fazer um diário. Só teve um ano em que eu escrevia mais ou menos, porque tinha ganhado duas agendas. Depois parei, haha. Hoje meus registros são online: Blog, Tumblr, álbuns de fotos etc.

Tenho Os Diários de Carrie, mas ainda não me animei a ler. E já tentei com Bridget Jones, mas ela é desbocada demais pro meu gosto. Diário da Princesa eu já li toda a série, muito fofa (apesar de eu não gostar dos livros 4 a 9, haha)

Bjs

[Responder]

Tatiana responde:

Google Chrome 16.0.912.63 Windows 7

Pois é, eu já tive diários… E já joguei tudo fora! hahahahaha
Hmmm… Se você achou a Bridget Jones desbocada, talvez voce não goste muito de Os Diários de Carrie. Não, eu ainda não li a Bridget, mas me lembro que quando estava lendo a Carrie (hahaha, porque agora nós lemos as personagens, e não os livros! :12 ), fiquei meio impressionada com o palavreado.
Mas no final das contas, acho que ele foi bem realista, considerando o grupo dela e as coisas que eles faziam, sabe? E gostei muito mesmo do livro ser ambientado nos anos 80, porque realmente ficou parecendo high school… Sei lá, eu tive essa impressão! :11

Beeijo! ;3

[Responder]

Cíntia Mara responde:

Google Chrome 14.0.835.202 Windows 7

Ah é? Não sabia que a Carrie era assim. Comprei o livro por impulso, mas até hoje não quis ler, rs.

[Responder]

Você já comentou 40 vezes.

#6 Luana 14-11-2011 - 00:19 -
Mozilla Firefox 7.0 Windows 7

Bah menina até um ano atrás eu tinha (com 15 anos, hoje 16), mas nunca escrevia no dia credita??? Sei lá preguiça!! kkkk, mas enfim eu amo livros de diários de verdade acho super bons. E graças que o final do ano ta chegando vamos renovar.

Bjs

[Responder]

Tatiana responde:

Google Chrome 16.0.912.63 Windows 7

Nem me fale em preguiça, porque por mais que nem eu e nem a Fernanda tenhamos diários, mantemos uma agenda onde colocamos tudo o que fizemos no dia (porque memória curta é um problema que não quero ter, sabe? =P), e a dona Fernanda está sempre MUITO atrasada com a dela! :01 Eu fico muito revoltada! hahahaha

Beeijo! ;3

[Responder]

Já comentou 231 vezes e é um verdadeiro Bookaholic!

#7 Mariana 15-11-2011 - 11:38 -
Internet Explorer 8.0 Windows 7

Oi meninas!! Faz um tempinho que não apareço por aqui…
Amei o tema da coluna!! Nunca tive nenhum diário…não tenho muito o hábito de escrevê-los, mas adoro ler livros neste estilo…
No comecinho deste ano estava louca para ler a série do díario da princesa, mas ficava na dúvida se começava porque ela é simplesmente muito grande :12 !! Mas não resiti e comecei logo…agora no final do ano terminei de ler princesa para sempre o último volume, e nossa me surpreendeu bastante…é lindo!!! Além disso gente, é da MEG, e ela é demais!!
O Diário de Bridget Jones e os diários de Carrie, já ouvi falar muito bem e tenho bastante vontade de ler :23
Beijoss:)

[Responder]

Tatiana responde:

Google Chrome 16.0.912.63 Windows 7

Eu quero muito ler O Diário da Princesa! :23 Todos amam esses livros! E realmente, se é Meg, é 99% de chances de amarmos MUITO!
Beeijo! ;3

[Responder]

Já comentou 166 vezes e é um verdadeiro Bookaholic!

#8 Larissa 16-11-2011 - 12:14 -
Google Chrome 15.0.874.120 Windows 7

Dos livros citados não li nenhum ainda! *vergonha* rs
Mas quero muito ler O Diário da Princesa e o Diário De Bridget Jones.
Beijos

[Responder]

Tatiana responde:

Google Chrome 16.0.912.63 Windows 7

Ah, mas logo logo você lê! :29 Não perca as esperanças!
Beeijo! ;3

[Responder]

Já comentou 197 vezes e é um verdadeiro Bookaholic!

#9 Gisela Menicucci Bortoloso 19-11-2011 - 13:22 -
Google Chrome 15.0.874.120 Windows 7

Eu já li O Diário de ANNE FRANK e aconselho para todo mundo, pois apesar de muito triste mostra uma realidade que infelizmente continua ocorrendo até hoje nestas guerras sem fim. Também li os primeiros livros do Diário da Princesa, que é muito bom, mas é voltado para o público infanto-juvenil.
um abraço
Gisela – Ler para Divertir

[Responder]

Tatiana responde:

Google Chrome 16.0.912.63 Windows 7

Uma hora eu vou ter que perder o medo de chorar horrores e ler O Diário de Anne Frank, porque realmente parece ser muito interessante! :30
Beeijo! ;3

[Responder]

Você já comentou 19 vezes.

#10 Julia 20-11-2011 - 19:04 -
Google Chrome 15.0.874.121 Windows XP

SÓ LI O DIÁRIO DE ANNE FRANK E UMA PERGUNTA O DIÁRIO DE PRINCESAS TEM UM FILME E ME DEU VONTADE DE LER TODOS DESSA LISTA PRINCIPALMENTE O PRIMEIRO

[Responder]

Tatiana responde:

Google Chrome 16.0.912.63 Windows 7

O Diário da Princesa tem filme sim! A Disney foi quem produziu! Dizem que o segundo não tem NADA a ver com a história, mas como eu ainda não li os livros, gostei bastante! Vou deixar aqui os links dos filmes pela Wikipedia, que fala um pouquinho mais sobre eles:
1º filme: Aqui
2º filme: Aqui

Espero ter ajudado!
Beeijo! ;3

[Responder]

Você já comentou 36 vezes.