entrevistas category image
Bate Papo Com Drica Pinotti
Thursday 07/04/2011 às 09:00 1502 Views Arquivado em: Entrevistas

Olá pessoal! Antes de começar a entrevista dessa semana, quero agradecer os comentários dos meus primeiros posts. Estou me esforçando para esta coluna ficar cada vez melhor. Mas vamos ao post da convidada dessa semana, que aliás, está comemorando 10 anos de carreira: Drica Pinotti.

Drica nasceu em São Paulo e é formada em Moda pela Universidade Anhembi Morumbi. A carreira de escritora começou em 2001 com a série De Menina a Mulher.
A série “De Menina a Mulher” é um guia prático, educativo e informativo para adolescentes e que acompanha os dilemas dessa fase da vida das meninas. O primeiro fala sobre como sobreviver à adolescência e virar uma mulher de sucesso; no segundo, Drica revela segredos de moda e comportamento, no terceiro o tema é tudo que você precisa saber para ser popular, fazer amigos e manter relacionamentos, no quarto o assunto são as profissões e no quinto e último a autora explora de forma simples e objetiva tudo o que a menina precisa saber para sobreviver ao mundo dos adultos, afinal, agora ela cresceu.
Aqui no Bookaholic, Menina Mulher já foi resenhado.
Drica também é autora do livro de ficção adulta, “A Pílula do Amor” e já está escrevendo o segundo.
E para quem ficou com interesse de saber mais sobre Drica Pinotti, confiram a entrevista que ela respondeu para nós.

01)  Drica, para iniciar nossa entrevista, fale um pouquinho sobre você. Quem é Drica Pinotti? Do que gosta?

Sou uma pessoa tranquila, temperamento fácil e que só quer uma coisa da vida, paz de espírito. Criei um mundo a minha volta onde reina o amor e a tolerância. Cuido daqueles que amo e eles cuidam de mim e me protegem também. Sou abençoada de ter relacionamentos assim. Meus amigos me defendem, cuidam de mim e até me mimam um pouco. Me sinto a irmã caçula da maioria das minhas amigas, até as que são bem mais novas que eu. E eu amo! Sou muito grata por tudo que tenho, minhas conquistas, meus amigos, minha família (muito pequena, apenas meu pai, dois irmão e quatro sobrinhos, minha mãe faleceu há 7 anos, foi a minha maior perda). Adoro viver um dia de cada vez, sem ansiedade nem expectativas. Tenho prazer em fazer coisas simples, tomar um vinho com amigas no final do dia, andar de patins no Central Park, escrever meus livros e cuidar da casa e do meu parceiro. Adoro ouvir música (agora mesmo, estou repondendo vocês e ouvindo Nouvelle Vague). Essa sou eu, uma pessoa simples mas com personalidade marcante. Tenho opinião sobre tudo. Sei do que gosto e como gosto. Não engulo qualquer coisa, não aceito muitas coisas (derespeito, por exemplo), mas respeito a opinião dos outros e sempre espero o melhor das pessoas, mesmo sabendo que nem sempre os outros estão dispostos a me dar o melhor delas.

02) Quando e como surgiu a vontade de ser escritora?

Eu estava na faculdade de moda e lia muito, principalmente livros sobre moda e estilo, um dia pensei, “porque não escrever um livro assim para adolescentes?” Daí escrevi o De menina a mulher 1. Depois disso não consegui mais parar, viciei. Costumo dizer que só tenho dois vícios em minha vida, escrever e usar cremes antiidade! Adoro cremes! (não é futilidade, apenas acho importante me cuidar).

03) Você é formada em moda. Chegou a trabalhar ou trabalha na área? Já pensou em escrever um livro sobre este mundo da moda?

Antes mesmo que me formar em moda eu já trabalhava na area. Trabalhei em grifes famosas e trabalhei muito tempo para a C&A também. Quero muito escrever um livro de moda, com fotos e projeto gráfico perfeito. Um dia vou fazer, mas não sinto que é o momento. Meus fãs e minha Editora me cobram outras coisas agora. Tenho que fazer aquilo em que me considero melhor, então quero escrever mais chick lits adultos e livros para adolescentes. Esse projeto vai ter que esperar.

04) Você é brasileira e mora em Nova Iorque. Países diferentes normalmente tem culturas diferentes.  Quais são, para você, as principais diferenças entre o Brasil e os EUA em relação ao mundo literário, em relação a população com os livros?

As diferenças são enorme e infelizmente nos Brasileiros estamos perdendo feio. Os Americanos leem muito, gostam de livros, apreciam os eventos literários, valorizam o livro como nós valorizamos a música, por exemplo. a relação deles com os escritores é maravilhosa. Escritor em NY é tratado como artista, como celebridade, como alguém especial, dotado de inteligência única e que traz coisas boas para as pessoas. No Brasil ainda não somos valorizados dessa maneira. Uma pena.

05) O livro “De Menina a Mulher” é voltado ao público adolescente, mas os temas abordados também conquistaram muitos adultos.  Porque você acredita que isso aconteceu?

Não sei explicar, fico muito feliz com isso, mas acho que as pessoas gostam pois têm vontade de aprender e a série De menina a mulher tem muitas mensagens legais, passadas de forma divertida.

06) Para escrever livros como “De Menina a Mulher”, você costuma fazer um preparo antes? Como por exemplo conversar com os jovens, ler outros livros do gênero? Você se inspira em adolescentes que você conhece?

Antes de escrever o primeiro livro, eu fiz uma pesquisa com 1.400 garotas na faixa de 10 a 14 anos. Pergunte de tudo, as respostas foram as mais honestas possíveis e para mim um grande aprendizado sobre esse público. Li mais de 50 livros sobre comportamento adolescente e livros de psicologia, mas usei muito das minhas experiências pessoais também.

07) Escrever para o público jovem deve lhe proporcionar muitas experiências interessantes, como comentários dos próprios adolescentes em relação ao livro. Tem alguma história curiosa para compartilhar com nós leitores?

A expêriencia mais estranha que tive, foi chegar a Bienal do Rio há uns 6 anos e ver as meninas gritando o meu nome e chorando por terem a oportunidade de me ver de perto. Foi emocionante e muito louco ao mesmo tempo. Quando comecei a escrever nunca imaginei que isso pudesse acontecer. Mas aconteceu e eu agradeço todos os dias pelo carinho das minhas fãs. Quando alguém comenta como o De menina a mulher ajudo na vida delas, fico toda boba e mega feliz! Não esperava esse sucesso, não esperava ter 11 livros publicados, e muito menos completar 10 anos de carreira como escritora no Brasil. Tudo isso é muito legal.

08) No seu outro livro, “Pílula do Amor”, a personagem Amanda é uma mulher que tem uma vida tranquila mas que é hipocondríaca. A história conquistou muitos leitores por ser leve e engraçada.  Mas mudando nosso foco para o título do livro, este parece sugerir  que o amor pode ser um remédio para diversos males em nossa vida. Acredita que isso pode ser uma verdade? E por que, na sua opinião, muitas pessoas fogem desse sentimento ?

A ideia que eu queria passar com esse título é que Amanda só pensa em doenças e remédios. Ela está sempre buscando uma pílula milagrosa que resolva seus problemas de forma imediata e com sofrimento mínimo. Mas isso infelizmente não existe e ela pira. Quando Brian entra na vida dela e traz aceitação e tolerância, pela primeira vez na vida ela se sente amada e percebe que tem um ótimo motivo para ficar bem. Acredito sim que o amor transforma as pessoas, tanto para o bem como para o mal. O amor é uma energia que quando bem usada traz felicidade e reflete mais amor ao seu redor. Porque as pessoas fogem disso? Não sei, talvez por experiências mal sucedidas do passado ou ausência de amor na infância. Mas não sou psicologa e não quero me arriscar em uma resposta simplista.

09) Seus livros estão conquistando muitas pessoas e com certeza elas querem saber: quando será lançado novos livros? Quais são seus projetos futuros?

Tenho um livro que será lançado em Junho/2011 pela Rocco, além da continuação de A pílula do amor e mais outro projeto no qual estou trabalhando agora, mas esse ainda não posso comentar. Aguardem, tenho muitas coisas preparadas para esse ano.

10) Para finalizar nossa entrevista, quero agradecer muito ao rápido retorno e deixo este espaço para uma mensagem sua aos leitores do Bookaholic.

Gostaria de agradecer a todas as minhas fãs. As pessoas que torcem por mim e me ajudam de alguma maneira. Este ano completo 10 anos de carreira, 200.000 exemplares de livros vendidos, 140 MIL brinquedos da minha linha estão na casa das pessoas, vendemos quase 1 milhão de cromos do meu album de figurinhas De menina a mulher e muitas outras coisas legais. Fui abençoada por vocês, só posso dizer MUITO OBRIGADA! E dizer que vou continuar fazendo o meu melhor para divertir vocês!




Sobre o autor do post:

Olá, meu nome é Fernanda, moro no RS, tenho 30 anos e sou bacharel em Sistemas de Informação. Além da tecnologia outras paixões fazem parte de minha vida: filmes, livros, músicas, fotografia. Sempre amei ler e procuro sempre estar lendo algum livro. Escrever é uma de minhas manias, além de escutar música e fotografar (de forma amadora) objetos e paisagens quando sobra tempo livre. Aqui no Bookaholic sou responsável pela seção “Bate Papo Com…”, conto com vocês para prestigiar a coluna!
E-mail: rl.nanda@yahoo.com.br



Posts Relacionados







:38 :37 :36 :35 :34 :33 :32 :31 :30 :29 :28 :27 :26 :25 :24 :23 :22 :21 :20 :19 :18 :17 :16 :15 :14 :13 :12 :11 :10 :09 :08 :07 :06 :05 :04 :03 :02 :01


11 Comentários em “Bate Papo Com Drica Pinotti”


#1 Óticas 07-04-2011 - 11:15 -
Google Chrome 10.0.648.204 Windows 7

Adorei o bate papo, nossa muito legal. ^^

[Responder]

Já comentou 104 vezes e é um verdadeiro Bookaholic!

#2 Amanda Cristina 07-04-2011 - 16:25 -
Google Chrome 10.0.648.133 Windows 7

A escritora parece ser super legal! :28
O livro dela “A Pílula do Amor”, já está na minha listinha há um tempo! Espero conseguir comprá-lo ainda neste ano! Mas confesso que essa ‘listinha’ é beeeeeem grand’INHA’…
rs’
Beijinhos, :*

[Responder]

Amanda Cristina responde:

Google Chrome 10.0.648.133 Windows 7

Ei, ‘perai’, a personagem é AMANDA? Pirei total aqui! Eu PRECISO ler o livro… UAHAUAHUAU! :02

[Responder]

Já comentou 120 vezes e é um verdadeiro Bookaholic!

#3 Lis 08-04-2011 - 02:43 -
Google Chrome 10.0.648.204 Windows 7

Adorei a entrevista.
A Drica parece ser uma fofa.
Eu li A Pílula do Amor e é ótimo, adorei, apaixonei pela escrita dela. E parabéns Drica pelos 10 anos de carreira!!!

beijo

[Responder]

Lis responde:

Google Chrome 10.0.648.204 Windows 7

Ah Fer eu esqueci de falar… suas entrevistas então cada vez melhores!! Parabéns :18

beijo

[Responder]

Fernanda Rocha responde:

Mozilla Firefox 3.6.16 Windows 7

Obrigada Lis! Fico feliz que estou conseguindo melhorar aos pouquinhos. :)

[Responder]

Já comentou 228 vezes e é um verdadeiro Bookaholic!

#4 Mariana 09-04-2011 - 09:00 -
Internet Explorer 8.0 Windows 7

Muito legal a entrevista. Agora fiquei com mais vontade ainda de ler os livros dela!!!

[Responder]

Já comentou 166 vezes e é um verdadeiro Bookaholic!

#5 Filipe Machado 09-04-2011 - 19:20 -
Mozilla Firefox 4.0 Windows XP

Gostei dessa autora… Dos livros não muito (claro né) mas ela paece se bem simpatica. Pelo menos o sorriso nas fotos transparece simpatia, rs. Além de suas respostas, claro…
Ótima coluna :D

[Responder]

Já comentou 276 vezes e é um verdadeiro Bookaholic!

#6 Karina 10-04-2011 - 18:02 -
Mozilla Firefox 3.6.16 Windows 7

Drica é D.I.V.A!
=)

Fã assumida aqui!
\o

Beijos, beijos!

[Responder]

Comentou pela primeira vez, seja bem-vindo!

#7 RUDYNALVA SOARES 13-04-2011 - 20:59 -
Mozilla Firefox 3.6.16 Windows XP

Drica!
Nada melhor que PAZ DE ESPÍRITO e qualidade de vida!
Esse é o lema do viver bem: “Adoro viver um dia de cada vez, sem ansiedade nem expectativas.”
Música é tudo! Escuto Djavan!
E por tudo isso os livros americanos são bem menos onerosos que os brasileiros.
E aí você foi tratada como celebridade aqui no Brasil também, demais!
Em uma década ter 11 livros editados é um marco, 200.000 exemplares de livros vendidos, 140 MIL brinquedos estão na casa das pessoas quase 1 milhão de cromos do album de figurinhas parabéns!
“Acredito sim que o amor transforma as pessoas,…” e a meu ver, transforma e supera tudo.
Obrigada por nos doar o seu melhor.
Sucesso sempre.
Cheirinhos
Rudy

[Responder]

Já comentou 323 vezes e é um verdadeiro Bookaholic!

#8 RUDYNALVA SOARES 13-04-2011 - 21:00 -
Mozilla Firefox 3.6.16 Windows XP

Fernanda!
A cada nova entrevista o aperfeiçoamento está evidente.
Parabéns por extrair o que há de melhor dos escritores a cada nova entrevista.
Cheirinhos
Rudy

[Responder]

Já comentou 323 vezes e é um verdadeiro Bookaholic!