literatura-e-bla-bla-bla category image
O Marketing Mix – ou “como os livros chegam até você”
Wednesday 03/10/2012 às 10:41 1947 Views Arquivado em: Literatura e Blá Blá Blá

Pra quem leu meu primeiro livro publicado, “Propaganda e Marketing para vestibulandos, calouros, curiosos e simpatizantes” (Ed. Novas Idéias, 2006), a expressão não é novidade, mas como sei que a maioria de vocês não o fez, vou contar como os livros chegam até os leitores e um pouco de como o marketing tem a ver com isso.
Bom, todo mundo entende de futebol. Todo mundo entende de avião, medicina, política, religião, e claro, todo mundo entende de marketing também. #sóquenão
Então, pra vocês terem uma base sólida para conhecerem mais do delicado processo que faz um livro chegar até vocês, falaremos hoje do que é conhecido como Marketing Mix. O modelo, criado por um estudioso do assunto chamado E. Jerome McCarthy, cinco décadas atrás, resume muito do que compõe um produto, e contém quatro P’s: Produto, Preço, Praça e Promoção. Em inglês faz mais sentido: Product,Price, Place, Promotion.
O produto é o livro em si: o que ele tem de diferente, porque vai vender e para que público? Já o preço, traz mais um pouco do posicionamento dele no mercado: quanto custa pra fazer, e pra chegar ao ponto de venda? Quanto de lucro pode dar, quantos você tem que vender para pagar o que ele custou para ser feito? Que preço é capaz de atingir os leitores certos? Praça é conhecido em português como “p torto”, pois significa na verdade “distribuição”, foi uma adaptação forçada do inglês. Ele é talvez a mais importante das variantes depois do próprio produto: onde o livro estará à venda? Em que canais? Em que livrarias? E por último, promoção: aqui tem a ver com “promover” e não com saldão de fim de Bienal. Ou seja, teremos anúncios em jornais e revistas? Quanta mídia espontânea conseguimos com ele? Em quantos veículos sairemos graças à assessoria de imprensa? Quantos blogs falarão do livro?
Digo, sem medo de errar, que o p de praça é tão importante, pois todos os outros são compensados por ele e, nenhum dos outros o substitui. Por exemplo: seu livro saiu na Veja. É uma ótima promoção, muita gente vai ficar sabendo do livro e vai se interessar por ele. A pessoa, das duas uma: ou vai sair catando pelas livrarias ou na internet ou vai esquecer e só lembrar quando der de cara com o livro que “ah, eu vi esse livro semana passada na revista”. Se o livro não chegar na livraria, esquece. Venda perdida. Por outro lado, digamos que não tivemos mídia nenhuma do livro (promoção), mas a pessoa viu a capa (produto) na livraria, tinha dinheiro pra comprar e achou que não estava caro (preço). Venda feita. Se o livro não estivesse na livraria e bem exposto (praça), não adiantaria um preço bom e uma capa bonita. E agora, a pergunta que não quer calar: como o livro fica exposto na livraria?
Há várias respostas: “as editoras pagam pra isso” é uma delas. Mas a mais bacana é: em todas as livrarias sérias, dois critérios tem um peso tão grande quanto o anterior: os vendedores gostarem do livro e os leitores procurarem por ele. Ou seja, nem sempre apenas quem tem bala na agulha é que consegue um lugar de destaque. Se você tiver uma equipe de vendas boa – um beijo pra Judith; um livro bem produzido – um beijo pra Gabi; e um monte de gente procurando e comprando – um beijo pra todos vocês; o livro tem tudo para estar bem exposto nas livrarias. E aí, uma boa promoção – um beijo pra Tati, pra Katia, pra Naya, além de todo mundo que postou sobre o livro – só alimenta uma distribuição bem feita e o caminho do sucesso está pavimentado. É isso aí, até mês que vem, seus lindos!




Sobre o autor do post:

Enderson Rafael nasceu em Florianópolis, em 1980. Escreveu seu primeiro romance, aos 19 anos. Formou-se bacharel em Comunicação (Publicidade e Propaganda) pela ESPM-Rio, escola que em 2006 apoiou a publicação de seu segundo livro "Propaganda e Marketing para vestibulandos, calouros, curiosos e simpatizantes". Neste meio tempo, escreveu dois roteiros de longa metragem para cinema, "Geribá" e "Mil Mares". Em 2010, lançou seu primeiro romance, "Todas as estrelas do céu" e agora trabalha como comissário de voo, profissão na qual já soma 5 mil horas de voo e que inspirou seu segundo romance, a ser lançado em 2012, "Três Céus" pela editora Gutenberg.
E-mail: endeblog@gmail.com



Posts Relacionados







:38 :37 :36 :35 :34 :33 :32 :31 :30 :29 :28 :27 :26 :25 :24 :23 :22 :21 :20 :19 :18 :17 :16 :15 :14 :13 :12 :11 :10 :09 :08 :07 :06 :05 :04 :03 :02 :01


3 Comentários em “O Marketing Mix – ou “como os livros chegam até você””


#1 Maysa Gois 05-10-2012 - 11:34 -
Google Chrome 22.0.1229.79 Windows 7

Nossa, adorei esse texto! Acho que não adianta nada você ser uma J.K se não tiver todo um projeto ao redor do seu livro, não adianta nada você “dar” livros para os blogs comentarem ou os críticos de revistas, sites e jornais se o seu livro não esta numa livraria e eu digo isso pq já deixei de comprar muitos livros pq não tinha cartão de credito e não achava nas livrarias da minha cidade.

[Responder]

Já comentou 89 vezes e é um verdadeiro Bookaholic!

#2 Yara Prado 18-10-2012 - 17:05 -
Google Chrome 22.0.1229.79 Windows 7

Uau, concordo com cada palavra…
Tudo muito verdadeiro, pena que na minha cidade não tenha uma livraria descente. (A Nobel não conta, aquele lugar pensa que eu sou milionária).
Então aqui as coisas, infelizmente, não funcionam de forma legal para os Bookaholics ou os autores… =(
Bjs.

[Responder]

Já comentou 802 vezes e é um verdadeiro Bookaholic!

#3 Bia Barros 24-10-2012 - 14:42 -
Google Chrome 22.0.1229.94 Windows 7

ParabÉns Enderson Rafael , seu texto da ótimo . Mas vem cá , so uma curiosidade minha você fez publicidade e propagando , porque cara você manda bem !!

[Responder]

Você já comentou 3 vezes.