literatura-e-bla-bla-bla category image
O Marketing Mix – ou “como os livros chegam até você”
Wednesday 03/10/2012 às 10:41 2188 Views Arquivado em: Literatura e Blá Blá Blá

Pra quem leu meu primeiro livro publicado, “Propaganda e Marketing para vestibulandos, calouros, curiosos e simpatizantes” (Ed. Novas Idéias, 2006), a expressão não é novidade, mas como sei que a maioria de vocês não o fez, vou contar como os livros chegam até os leitores e um pouco de como o marketing tem a ver com isso.
Bom, todo mundo entende de futebol. Todo mundo entende de avião, medicina, política, religião, e claro, todo mundo entende de marketing também. #sóquenão
Então, pra vocês terem uma base sólida para conhecerem mais do delicado processo que faz um livro chegar até vocês, falaremos hoje do que é conhecido como Marketing Mix. O modelo, criado por um estudioso do assunto chamado E. Jerome McCarthy, cinco décadas atrás, resume muito do que compõe um produto, e contém quatro P’s: Produto, Preço, Praça e Promoção. Em inglês faz mais sentido: Product,Price, Place, Promotion.
O produto é o livro em si: o que ele tem de diferente, porque vai vender e para que público? Já o preço, traz mais um pouco do posicionamento dele no mercado: quanto custa pra fazer, e pra chegar ao ponto de venda? Quanto de lucro pode dar, quantos você tem que vender para pagar o que ele custou para ser feito? Que preço é capaz de atingir os leitores certos? Praça é conhecido em português como “p torto”, pois significa na verdade “distribuição”, foi uma adaptação forçada do inglês. Ele é talvez a mais importante das variantes depois do próprio produto: onde o livro estará à venda? Em que canais? Em que livrarias? E por último, promoção: aqui tem a ver com “promover” e não com saldão de fim de Bienal. Ou seja, teremos anúncios em jornais e revistas? Quanta mídia espontânea conseguimos com ele? Em quantos veículos sairemos graças à assessoria de imprensa? Quantos blogs falarão do livro?
Digo, sem medo de errar, que o p de praça é tão importante, pois todos os outros são compensados por ele e, nenhum dos outros o substitui. Por exemplo: seu livro saiu na Veja. É uma ótima promoção, muita gente vai ficar sabendo do livro e vai se interessar por ele. A pessoa, das duas uma: ou vai sair catando pelas livrarias ou na internet ou vai esquecer e só lembrar quando der de cara com o livro que “ah, eu vi esse livro semana passada na revista”. Se o livro não chegar na livraria, esquece. Venda perdida. Por outro lado, digamos que não tivemos mídia nenhuma do livro (promoção), mas a pessoa viu a capa (produto) na livraria, tinha dinheiro pra comprar e achou que não estava caro (preço). Venda feita. Se o livro não estivesse na livraria e bem exposto (praça), não adiantaria um preço bom e uma capa bonita. E agora, a pergunta que não quer calar: como o livro fica exposto na livraria?
Há várias respostas: “as editoras pagam pra isso” é uma delas. Mas a mais bacana é: em todas as livrarias sérias, dois critérios tem um peso tão grande quanto o anterior: os vendedores gostarem do livro e os leitores procurarem por ele. Ou seja, nem sempre apenas quem tem bala na agulha é que consegue um lugar de destaque. Se você tiver uma equipe de vendas boa – um beijo pra Judith; um livro bem produzido – um beijo pra Gabi; e um monte de gente procurando e comprando – um beijo pra todos vocês; o livro tem tudo para estar bem exposto nas livrarias. E aí, uma boa promoção – um beijo pra Tati, pra Katia, pra Naya, além de todo mundo que postou sobre o livro – só alimenta uma distribuição bem feita e o caminho do sucesso está pavimentado. É isso aí, até mês que vem, seus lindos!




Sobre o autor do post:

Enderson Rafael nasceu em Florianópolis, em 1980. Escreveu seu primeiro romance, aos 19 anos. Formou-se bacharel em Comunicação (Publicidade e Propaganda) pela ESPM-Rio, escola que em 2006 apoiou a publicação de seu segundo livro "Propaganda e Marketing para vestibulandos, calouros, curiosos e simpatizantes". Neste meio tempo, escreveu dois roteiros de longa metragem para cinema, "Geribá" e "Mil Mares". Em 2010, lançou seu primeiro romance, "Todas as estrelas do céu" e agora trabalha como comissário de voo, profissão na qual já soma 5 mil horas de voo e que inspirou seu segundo romance, a ser lançado em 2012, "Três Céus" pela editora Gutenberg.
E-mail: endeblog@gmail.com



Posts Relacionados








3 Comentários em “O Marketing Mix – ou “como os livros chegam até você””